quinta-feira, 19 de março de 2009

Mandato de Open Access para todo o MIT


A notícia chegou-me, via Twitter, ontem às onze da noite. Ainda não estava confirmada, e não era ainda conhecida pelos "pais" e "gurus" (Stevan Harnad e Peter Suber) do Open Access que contactei imediatamente. Não tendo recebido confirmação ontem à noite, hoje de manhã procurei avidamente no meu correio, e lá estava a mensagem a confirmar a notícia: o corpo docente do MIT tinha votado por unanimidade uma política de Open Access que requer o depósito de todas as publicações no momento da sua publicação.

O texto da notícia ainda não está acessível no site do MIT, mas o texto da Press Release pode ser lido aqui e aqui.

Esta é uma excelente notícia, que me faz acreditar que talvez já tenhamos ultrapassado o ponto de viragem. Depois das "batalhas" ganhas desde o início de 2008 (mandato NIH, recomendações da EUA, mandatos de Harvard - presentemente 3 e mais 1 em discussão-, projecto piloto da União Europeia mandatando OA a cerca de 20% do FP7, mandatos de várias universidades europeias), o simbolismo desta "vitória" (o primeiro mandato de uma universidade no seu conjunto - os de Harvad têm sido parciais - a ser aprovado por voto dos seus membros), poderá assinalar que a "guerra" do acesso livre à literatura científica poderá já estar ganha.

Mas certamente existirão ainda muitas pequenas "batalhas" para travar, antes que nos possamos dedicar ao que realmente interessa: promover as formas mais ricas, eficientes e criativas de utilizar o vasto volume de informação científica que produzimos para o avanço da ciência e o progresso da humanidade!

Para já ficam os nossos parabéns e o nosso agradecimento aos docentes e investigadores do MIT

1 comentário:

maria josé vitorino disse...

sem dúvida um belo sinal
aguardemos o próximo...

 
Creative Commons License
Cibertecário 0.2 by Eloy Rodrigues is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso Não-Comercial-Partilha nos termos da mesma Licença 2.5 Portugal License.